sexta-feira, julho 20, 2018

INSPIRAÇÃO


Venha saborear a melodia dos céus
no jeito novo desta canção.
São palavras divinas:
poema gestado pelo Espírito
no ventre da inspiração.

Venha apreciar com os olhos suas letras
e sentir com os lábios seu sabor.
Venha sentir o ouvido tocado
pelos suaves sons do louvor...

Como o tempo passa ligeiro
quando se entra na nuvem da inspiração!
Não há emoção maior que o toque do Espírito.

Que bálsamo é entrar no Santo lugar
e sentir o bom perfume da presença de Cristo!
Alabastro novo para a grande missão.

Mas, por favor, não fale.

Só ouça, sinta, cante e cale.

Inspiração é uma palavra de fora e de dentro;
do Espírito e de si mesmo...

Só embarque nela.
E volte quando e se quiser!

Josué Ebenézer Nova Friburgo,
09/07/2018 (05h34min).

A CANÇÃO DO PORTEIRO


Eu sou o Porteiro.
Recebo os adoradores:
dou sempre boas-vindas,
acolho o rosto triste,
percebo o cansado
e ao desesperado
que trava uma peleja –
afago o coração
recomendo a oração
nos bancos da Igreja.

Sei quem veio adorar
quem trouxe time nas costas
do jogo de domingo
e mesmo com a Bíblia na mão
traz a Bola no coração.
Sei quem carrega rosto em riste
e traz consigo um dedo triste
na cara da família.
Quem escancara a verdade
dessa triste realidade
de tentar tornar-se ilha.

Eu sou o Porteiro.
Deus me deu essa missão.
De apaziguar corações,
e fazer das reuniões
do Povo de Deus na terra
lugar onde se encerra
a paz reinante no mundo,
o amor que vem de Deus
e, em sentido profundo,
as consolações do Espírito
para o que está ouriçado
e precisa, deste lado,
de um pouco de Esperança!

Eu sou o Porteiro.

Josué Ebenézer Nova Friburgo,
08/07/2018 (05h39min).

quarta-feira, julho 11, 2018

RODOPIO HUMANO


Cidade fervilhando de gentes nas ruas...
Meus passos se misturam à efervescência.
Somos quais piões que rodopiam esperanças,
arremessados contra o chão pelo sistema.

Sinto vontade de sair da poeira deste chão.
Elevar-me ao mais alto céu dos sonhos meus.
Qual pipa colorida que serpenteia nos ares,
e os limites estão nas mãos que a conduzem.

Quero ser conduzido pelas boas mãos de Deus
e ganhar os horizontes dos sonhos que tiver.
Enxergar o mundo inteiro sob a ótica divina
nos elevados pensamentos da Sabedoria.

Josué Ebenézer Nova Friburgo,
08/07/2018 (05h17min).

CANÇÃO DE LOUVOR


Eu sou canção de louvor
que dos meus lábios sai;
sou poema de alegria
em louvor a Deus, o Pai.
Eu sou leveza da alma,
paz de espírito, coração.
Sou poema que acalma
na letra dessa canção.

Não adianta vir pra mim
com euforia de aprendiz;
não adianta, se no fim
não é o que você diz.
Eu quero a doce pureza
de quem vive de verdade.
Eu quero a real beleza,
dei adeus à vaidade!

Eu sou canção de louvor,
grito de libertação;
sou a prova desse Amor
expresso nessa canção.
Eu sou a luz de Cristo,
reflexo do meu Jesus.
A paz, e mais que isto,
boa mensagem da Cruz.

Não adianta este mundo
vir com forte tentação.
Não adianta, é profundo,
o que há no coração.
Eu sou canção de louvor,
Deus é Pai e eu seu filho;
não saio mais desse Amor,
minha vida está no trilho.

Josué Ebenézer Nova Friburgo,
19/06/2018 (02h52min).